Deixe seu comentário abaixo:

2 Comentários

  1. carlos eduardo

    Parabéns e Muito Obrigado pelos comentários e dicas!
    Em um vídeo você comenta sobre o Livro Free para um modelo de startup. Gostaria se possível que você me indica-se uma direção neste sentido.
    Valeu! Obrigado!

    Responder
    1. Gerson Ribeiro

      Oi Carlos, obrigado pelo seu comentário!

      Hoje muita coisa tende ao FREE. Nesse sentido o que você deve ter em mente é que mesmo algo sendo 100% gratuito, de alguma forma alguém deve pagar a conta. Para isso existem modelos de negócios FREEMium, em que uma grande parcela não paga pelo uso e uma parcela menor paga o Premium para ter serviços extra. O que temos que ter consciência é que esse modelo não é rígido e que podemos adotar da melhor forma para o nosso negócio. Você pode testar ter um serviço gratuito que atraia clientes para você vender um outro serviço, ou então utilizar as informações desses usuários para vender algo para um terceiro.

      Exige criatividade para visualizar as oportunidades e construir um modelo rentável em cima disso.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *